Início » Content » Histórico

Histórico

 

A Auditorial Geral do Estado do Estado do Pará (AGE) foi criada em 29 de dezembro de 1998, pela Lei estadual nº 6.176, no bojo da criação do Sistema de Controle Interno, vinculado ao Poder Executivo; sendo ao mesmo tempo, um dos componentes desse Sistema e seu órgão central.

  Em janeiro de 1999 começou a funcionar o Sistema de Controle Interno e a Auditoria Geral, com objetivo de fiscalizar as ações e atos governamentais, concebendo os procedimentos de orientação pedagógica para os erros e as irregularidades administrativas e contábeis encontrados.

  AGE deu continuidade a essas ações, agregando atividade de auditoria, de forma associada e complementar à atividade de fiscalização. Também chamou para si a responsabilidade pela capacitação permanente e periódica dos Agentes Públicos de Controle (APC's), que exercem o controle interno no âmbito de cada órgão ou entidade.

  Sob a coordenação da AGE do Pará, foi realizado em junho de 2004, na cidade de Belém, o Fórum Nacional de Controle Interno (FNCI), que hoje se chama Conselho Nacional dos Órgãos de Controle Interno dos Estados Brasileiros e do Distrito Federal (CONACI). A então gestora da AGE foi eleita primeira Presidente do FNCI, sendo posteriormente reeleita.

  Em 2006, a AGE realizou concurso público, sendo aprovados vários servidores que tomaram posse no início do ano seguinte, dentre os quais 30 Auditores de Finanças e Controle. A partir daí a Auditoria Geral passou a contar com um quadro efetivo e ampliou a sua capacidade técnica.